Esqueci minha senha

Você que vive da Dança já tem CNPJ?

. Escrito por Mariana Lolato

Divulgue-se Dança do Ventre: você tem CNPJ?

Você que vive da dança se ainda não tem CNPJ, saiba que precisa ter o seu. Eu sei que isso pode te assustar, ou você nem mesmo sabe como fazer ou então se preocupa achando que terá que pagar muito por isso. Mas fica tranquila, pois você vai ver que não é bem assim. Aqui a gente vai te mostrar que é mais fácil e barato do que você pensa. Vamos lá?

 

Até alguns anos atrás, a menor categoria de Pessoa Jurídica que existia no Brasil era o Simples Nacional, cuja taxa é altíssima e desproporcional ao ganho de muitos profissionais que trabalham como empresa, como por exemplo você que vive da dança.

 

Foi pensando nisso que o governo federal criou em 2009 a categoria MEI.  Micro empreendedor individual é o significado da sigla.

 

Ela surgiu com a finalidade de regularizar a situação profissional de muitas pessoas que até então trabalhavam como empresa mas sem possuir uma categoria definida. Por exemplo manicures, artesãs, etc.

 

A categoria MEI é então a categoria de Pessoa Jurídica que paga os menores impostos, é para que pessoas que trabalham de forma autônoma e que têm um salário de até R$ 5.000 por mês ou R$ 60.000,00 por ano e precisam ter cadastro de Pessoa Jurídica.

 

E onde você, que vive da dança, entra nisso tudo?
Bom, se você é bailarina você pode ser MEI.
Se você tem escola, você pode pedir que seus professores tenham MEI e se você vende produtos para a Dança do Ventre, você pode ser MEI. Por isso a gente escreveu esta matéria.

 

Se você faz algumas destas atividades que a gente falou acima (dar aula, dançar, ter escola, ou fazer produtos para a Dança do Ventre), você trabalha com dança e por isso precisa ter um CNPJ. Pra você se tornar pessoa jurídica sua melhor opção é ser MEI por conta da baixa carga tributária e por se encaixar na sua atuação profissional.

 

Mas quanto vou pagar para ser MEI?
Não há nenhuma taxa de registro, ou seja, voc~e adquire seu CNPJ sem pagar por isso. Seu pagamento é apenas mensal.

A taxa que você vai pagar mensalmente vai variar de 40 a 45 reais, conforme sua área de atuação, desta forma:

Comércio ou indústria: R$ 40,40 (por exemplo este é pra você que vende figurinos ou véus de seda)

Prestação de serviços: R$ 44,40 (pra você que vive de Aulas e Shows de Dança do Ventre)

Comércio e serviços: R$ 45,40 (este é pra quem vende produtos e presta serviços na área de dança)

Estes valores podem ser atualizados todo ano, de acordo com o salário mínimo. Os valores que estão acima se referem ao ano de 2015.

 

Os valores pagos são destinados à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Tributos federais como Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL não são cobrados na categoria MEI.

 

E como faz para ter o meu CNPJ?
Para ter o CNPJ de MEI você não precisa de contador nem para criar e nem para administrar suas contas. Você mesma pode fazer seu cadastro e o seu CNPJ sai na hora. (lembra que a gente disse que seria mais fácil do que você pensa?)

 

Pra isso basta acessar o Portal do Empreendedor aqui.

 

Você vai ver que terá que preencher uma categoria da sua atuação profissional. Pra você saber em qual categoria sua atividade profissional se enquadra, veja esta tabela do word neste link. É só salvar no seu computador e ler.
 

..........................................................................................................

 

Elas vivem da Dança e já são MEI!

 

MEI Dança do Ventre - Nurah Samah“A consultora do SEBRAE me aconselhou a iniciar minha escola como MEI, e depois que a empresa passasse a receber a partir de R$ 60.000,00 no ano aí eu devo mudar para ME. Como é uma empresa nascente me aconselharam MEI porque é mais barato, fácil e rápido. O CNPJ sai na mesma hora. Quando transferir para ME vai se manter o mesmo CNPJ. O MEI pode fazer as próprias contas e só tem o imposto DAS (super simples). Já o ME precisa de contador e entram outros impostos adicionais”. Nurah Samah é bailarina, professora e proprietária da escola de dança Vale das Rainhas em São Paulo.

 

 ..........................................................................................................

MEI Dança do Ventre - Shaina Nur“Quem me indicou foi uma amiga que já tinha o MEI. Foi super simples e rápido. Entrei no site, preenchi os dados com a categoria que mais de adequava a minha área, e ainda você pode escolher outras subcategorias caso tenha mais de uma profissão. No meu caso que tenho o Atelier, dou aulas e vendo roupas fitness consigo categoria pra todas essas áreas caso precise emitir notas fiscais. Uma vez por ano faço a declaração anual que também é super simples. E pago mensalmente o boleto da contribuição que é como uma previdência” Shaina Nur é bailarina e proprietária do Atelier Fazendo Arte by Shaina Nur em São Paulo.

..........................................................................................................

 

MEI Dança do Ventre - Najwa Zaidan“O MEI (Microempreendedor Individual) foi criado no intuito de auxiliar os pequenos empresários, ou seja, pessoas que trabalham por conta própria, que ganham até 60 mil reais anualmente, criando através da lei complementar Número 128 de 19/12/2008, onde podemos contar com alguns benefícios tais como isenção de impostos federais.

 

Para nós bailarinas, que também fazemos parte deste mercado de trabalhadores informais, o MEI é uma excelente ferramenta para nos auxiliar, garantir alguns benefícios, bem como garantir nosso futuro.

 

Alguns benefícios que o MEI pode nos oferecer:

- disponibilização de um CNPJ (cadastro nacional de pessoa Jurídica) , onde permite emissão de nota fiscal , caso algum contratante exija e também facilita levantamento de crédito caso necessário junto aos bancos e instituições financeiras . Inclusive abertura de contas bancárias.

- Dà direito a cobertura previdenciária a você e todos familiares (auxílio doença, aposentadoria por tempo de serviço , auxílio maternidade, até mesmo auxílio reclusão.

Enfim são muitas vantagens proporcionadas a nós por um pequeno valor mensal (para nóss prestadoras de serviço gira em torno de R$ 44,40).

 

Eu utilizo há mais de 6 anos e recomendo. Acho fundamental para nóss bailarinas termos uma garantia de um suporte no caso de eventuais problemas de saúde, segurança futura e até mesmo para assegurar uma pequena aposentadoria.

 

Temos que pensar também no futuro, pois trabalhamos com corpo e como não temos nenhum órgão que regulamente nossa profissão e nenhuma lei que abrace nossa categoria, eis aí uma excelente opção de apoio para nossa classe artística.

Não é muito burocrático e é fácil de aderir. Compareça ao SEBRAE próximo à sua residência e faça para sua seguridade”. Najwa Zaidan é bailarina e professora de Dança do Ventre em São Paulo.

..........................................................................................................

 

Então resumindo:

MEI: pra quem ganha até R$ 5.000,00 por mês ou R$ 60.000,00 por ano

Pagamento mensal por meio do carnê emitido pelo Portal do Empreendedor aqui

Taxas mensais cobradas (em 2015):

Comércio ou indústria: R$ 40,40

Prestação de serviços: R$ 44,40

Comércio e serviços: R$ 45,40

Não precisa de contador pra criação e nem manutenção

Não possui taxa de abertura

Você mesma pode abrir o seu aqui!

 

Ficou com mais dúvidas? Dá uma olhada nestes sites aqui pra te ajudar:

Portal do Empreendedor

SEBRAE

O SEBRAE oferece um curso grátis e online sobre MEI. Eu mesma fiz há anos atrás e gostei muito. Veja aqui!

 

Ficou mais tranquila e informada sobre o MEI? Então se você ainda não tem CNPJ corre pra abrir o seu e assim se profissionalizar cada vez mais nesta paixão que virou seu ganha pão. Ah, estava esquecendo de falar: ontem estive na Feira do Empreendedor do SEBRAE e conheci lá um aplicativo grátis pra quem é MEI. Nele você paga os boletos, faz a declaraçao anual e muito mais. Veja aqui, você vai adorar!

 

Aproveita nosso Ebook feito pra você: EmpreendeDança! Grátis, pra te ajudar a viver da dança. Baixe AQUI. =)

 

E lembra que a gente está sempre aqui pra te informar, te inspirar e te divulgar na Dança do Ventre!

 

Mariana Lolato - fundadorae gestora Central Dança do VentreMariana Lolato é fundadora e gestora do Portal Central Dança do Ventre. Cuida da conta dos clientes, do marketing do portal e sempre dá dicas pra quem vive da dança.

 

 


Veja Mais ver todas +

Nuvem de Tags

bailarina homenageada musica bailarinaartigo egito professora dançaliteratura vídeos brasilrevista arte central danca do ventre cairobailarina homenagem dança do ventre homenageada