Esqueci minha senha

Tipos de corpos e dicas de figurinos

Escrito por Michele Cintra

 

“Vestir uma mulher não é cobri-la com ornamentos, mas sim sublinhar o significado de seu corpo e realçá-lo, envolver a natureza em um contorno capaz de acentuar sua graça”.

 

Quando se fala em moda “tradicional” pensa-se muito no certo e no errado, em como vestir-se bem, em estilo, peça ideal para cada tipo de corpo, e na moda para os figurinos de dança do ventre, isso também é questionado, gera dúvidas. Nos figurinos de dança a preocupação é saber não errar, para não ser vulgar, é estar sempre elegante e bem vestida. E, para não errar, o ideal é que a bailarina conheça o seu corpo, assim como saber qual o figurino ideal para seu corpo e para cada estilo de dança, e quais as cores a valorizam, fazendo assim o conjunto perfeito para uma grande apresentação.

 

Os principais tipos de corpos e como valorizar

 

  
1- Corpo ampulheta: medidas dos ombros e seios são equivalentes aos quadris e cintura fina, cheia de curvas. Valorizar a quadril, fazendo cintura, harmonizar sempre busto. Usar top que valoriza o busto, modelo frente única, onde teremos o efeito do decote V, bordados sóbrios, não muito cheios, sendo assim coerente com o cinturão com o mesmo tipo de bordado. Saias amplas e rodadas dão mais volume ao quadril, portanto, saia tipo sereia, ou com quadril mais justo, afina a silhueta.

   

2- Corpo triângulo ou pêra: o quadril se destaca, os ombros são estreitos, seios pequenos e cintura fina. Assim como o corpo ampulheta, também é curvilíneo, mas o destaque maior são os quadris, portanto o principal é equilibrar com os ombros. O principal truque é realçar o colo e seios. Para isso, o ideal é fazer bordado cheios destacando o busto, equilibrando sempre com cinturão, as saias com menos volume, evasé, ou pouca roda ajudam no equilíbrio.

 

 3- Corpo triângulo invertido: os ombros largos são destaque e o quadril fino, e geralmente têm seios grandes. As mulheres com corpo triângulo invertido, passam a ideia de um corpo atlético. Pode ver: todas as mulheres com porte atlético como nadadoras e ginastas têm este tipo de corpo, a estrutura propícia para esportistas, os ombros se destacam e são menores do que o quadril. A diferença pra quem tem este porte e não pratica esportes é que costuma ter seios grandes, mas quem é esportista devido ao esforço os perde. O truque aqui é criar mais volume no quadril: saias volumosas, rodadas e com babados. Neste caso o cinturão mais bordado, chamando a atenção para o quadril e logo equilibrando com o busto.

  

4- Corpo oval ou diamante: ombros e quadris têm medidas equivalentes, porém a cintura é maior. O que se destaca aqui é a linha da cintura, a barriguinha. São geralmente mulheres fofas e gordinhas que possuem esta região maior que as medidas dos ombros e quadris, que têm medidas equivalentes. Normalmente têm colo e seios bonitos.O truque é não evidenciar o volume na linha da cintura (barriga) e chamar a atenção para o colo, rosto e pernas.

 

Então para isso podemos utilizar barrigueiras lisas ou com bordados para quem não gosta de expor a barriguinha, franjas mais compridas, ou em formato assimétrico, para não diminuir muito o tronco, faixas transversal na barriga com bordados, e valorizar o busto e o cinturão com belos bordados, lembrando que o volume na saia apesar de lindíssimo vai aumentar a proporção, e por isso as saias mais juntas ficaram certamente mais elegantes.

 
5- Corpo retângulo: ombros, cintura e quadris têm medidas iguais ou com valores muito próximos, possuem poucas curvas, as pernas geralmente são finas. O corpo retângulo é retilíneo, ou seja, uma mulher que não tem muitas curvas. Geralmente são magras e altas, com pernas longas e porte elegante. O truque é tentar criar cintura, valorizando seu corpo e mostrar suas curvas. Para este tipo de corpo podemos usar e abusar dos bordados cheios tanto no busto quanto no cinturão, saias amplas. Assim aumentam as proporções e acinturando.

 
* na dúvida verifique suas medidas, principalmente: busto, cintura e quadril.
*observe também altura, proporção do tronco e pernas.


Apesar de todas as considerações as dicas mais valiosas que podemos ter é o bom senso, se olhar no espelho observando quais partes do corpo são mais bonitas e que devem ser destacadas e claro o amor próprio. Com esses elementos, com certeza conseguimos um bom resultado. E sempre respeitar o seu estilo, e adequar-se ao que te faz feliz para ficar sempre linda em uma apresentação.

 

Procurando onde comprar seu figurino de Dança do Ventre? Encontre aqui no Guia CDV!

 
Michele Cintra
Designer Ateliê Maisha Sharar
Na foto: Cíntia Paz
http://www.ateliemaishasharar.com.br/


Veja Mais ver todas +

Nuvem de Tags

vídeos egitobailarina dança bailarina homenageadaliteratura brasilrevistabailarina homenageada central danca do ventre musica dança do ventre homenagemartigo cairo arte professora